Torcida festeja Roger e o futebol da gurizada

Pode ser coincidência, mas o Grêmio de novo teve uma largada fulminante, repetindo o que aconteceu contra o Corinthians. Prefiro acreditar que é uma ideia de jogo, uma estratégia armada por Roger. Sair com tudo nos minutos iniciais quando o normal é os dois times se estudarem, assumirem uma postura mais cautelosa para evitar surpresas desagradáveis. Sem contar que nem sempre o adversário entra focado, realmente concentrado.

O gol relâmpago de Pedro Rocha, aos 37 segundos, desmontou o Avaí, que só no segundo tempo voltou a se equilibrar, chegando a marcar um gol, mas sem levar muito perigo para um time que jogava em sua casa – sua em termos, porque o Ressacada parecia campo neutro tal o entusiasmo da torcida gremista.

Minutos depois, o gol de Luan, que cada vez mais se consolida com craque de futebol. Muito tempo atrás eu o comparei a Rivaldo. Fui criticado, mas também seguido por alguns nessa comparação. Não quero dizer que ele é ou será melhor que Rivaldo. Apenas acho o futebol dos dois parecido. Talvez Luan não desabroche o suficiente e fique pelo meio do caminho, mas não me parece ser essa a tendência. 

Luan cobrou falta ao estilo dos melhores cobradores. Está com jeito de quem treina cobranças de falta. Nesse aspecto, é interessante relatar que o lateral Marcelo Hermes é um exímio batedor nos treinos. Houve uma falta pelo lado direito de ataque, perto da área, perfeita para um pé esquerdo. Douglas deu um carteiraço e afastou Luan, o que acho um erro por que o guri estava cheio de moral depois do gol que marcou. Mas era também uma chance de ver Hermes, que foi muito bem a meu ver, mostrando essa qualidade.

Sobre Douglas: pouca mobilidade e poucos acertos em sua maior virtude, a bola metida para os atacantes. Para justificar sua presença como titular só com mais acertos na armação de jogadas. Agora, é justo frisar que o lançamento do primeiro gol saiu dos seus pés, contando com o vacilo do zagueiro e a velocidade de Pedro Rocha.

O guri fez sua melhor partida como titular. O gol logo no começo o deixou mais à vontade, mais confiante para arriscar o drible. Tudo indica que trata-se um diamante em fase de lapidação.

Outro guri que entusiasma a torcida é Wallace. Joga com elegância e firmeza. Se o volante Dourado vale 100 milhões de reais, conforme foi noticiado açodadamente, Wallace vale o dobro.  

Em relação ao outro lateral, o estreante Lucas Ramon. É o começo. Portanto, qualquer avaliação é precipitada. Mas não vi maiores qualidades nele. Um jogador médio. Não me pareceu melhor que Tinga, por exemplo. Contra ele, o pênalti que por pouco não comprometeu a vitória.

O importante é que o Grêmio venceu, e venceu fora de casa, condição básica para aspirar algo maior no campeonato.

É evidente que o time ainda está em fase de armação e que falta mais qualidade tanto para titularidade como para formação de grupo, mas o simples fato de estar jogando um futebol que por vezes chega a empolgar e, principalmente, somar pontos, já é algo a ser comemorado.

Quem temia o risco de rebaixamento, penso que hoje está mais tranquilo. Já dá pra parar de rezar… 

Com um lateral-direito de qualidade, mais um volante aguerrido e um goleador, o Grêmio pode até sonhar com o título brasileiro.

Para concluir, a torcida gritou o nome de Roger no intervalo do jogo. Foi um coro de milhares de vozes agradecidas. Roger merece.

INTER

O Inter conseguiu o principal no Beira-Rio: somar três pontos. Jogou mal, um futebol pobrezinho tecnica e taticamente. E isso que encontrou pela frente um Santos menor. Fazia tempo que não via um time jogar tão mal em Porto Alegre. È muito ruim esse time do Santos, o que explica sua situação na tabela. Se perder o Lucas Lima, por exemplo, terá de lutar para não cair.

SELEÇÃO

É comovente o esforço da maioria dos cronistas esportivos gaúchos em livrar a pele de Dunga pelo fracasso na Copa América. Ser eliminado por um Paraguai de participação ridícula nas eliminatórias é um fiasco. E o maior responsável é Dunga. Não sei se essa defesa de Dunga é porque ele é gaúcho, ou porque é colorado. Ou as duas coisas. É claro que Dunga não é o único culpado, mas ele é o comandante. 

526
Deixe um comentário

Please Login to comment
0 Comentários
0 Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais recente
Comentário mais popular
0 Comentaristas
Recent comment authors
  Seguir discussão  
novos antigos mais votados
Notify of