Lincoln mostra que também dá metidas

Metida por metida, sou mais o Lincoln. 

O guri deu uma metida precisa, milimétrica, para Bobô fazer o gol da vitória, desviando do goleiro com a frieza de um centroavante.

Pois Lincoln mostrou que ele é mais que o futuro, é o presente.

Seu primeiro tempo foi monótono. Não entendi por que ele estava exilado na direita. Estranhei. No segundo tempo, Roger corrigiu esse posicionamento equivocado, que limitava o guri. Lincoln passou a articular mais pelo meio, de onde saiu a jogada do gol. Em pouco tempo a jovem promessa se sentia à vontade, com a maioria das jogadas passando por ele. O que não é pouco para um guri de 17 anos, que hoje vive à sombra do veterano Douglas.

Comendo o mingau pelas beiradas, Lincoln começa a entrar no time.

Foi um festival de guris no time que bateu o Veranópolis por 1 a 0, consolidando o Grêmio na liderança do charmoso.

Agora, uma análise individual:

Bruno, não passa segurança;

Wesley, por enquanto apenas um esforçado;

Bressan, dispensa apresentação;

Fred, uma atuação segura, mas discreta. Mostrou que tem condições de ser titular, até porque o titular hoje é Kadu;

Hermes, é eficiente, mas não faz sombra pra Marcelo Oliveira;

Moisés, saiu lesionado. O garoto Kaio entrou e deu boa resposta;

Edinho, atuação muito boa;

Giuliano, dois ou três bons lances, bom demais pra quem está voltando;

Lincoln, a titularidade é só uma questão de tempo, de pouco tempo;

Fernandinho, alguns bons lances;

Bobô, movimentou-se bastante, mas segue muito limitado. Foi perfeito no lance do gol, sinal de que nem tudo está perdido;

Tontini, entrou bem, mostrando que pode ser muito útil;

e Batista, com pouco tempo.

Destaque para o técnico Roger Machado, que está sabendo a hora certa de aproveitar a gurizada.

TOSTÃO

Texto do ex-craque, publicado no jornal O Tempo, de MG:

“O Grêmio contratou o jogador que precisava, Bolaños, um atacante rápido, habilidoso e bom finalizador. Não é um típico centroavante, o que é melhor para o estilo do Grêmio. Luan poderá atuar pelo lado ou formar dupla com Bolaños, um pouco mais recuado, pelo centro. Sairia Douglas. Por outro lado, o Grêmio se enfraqueceu com as saídas de Erazo e Galhardo, além de não ter bons reservas para os volantes Maicon e Walace. Maicon raramente erra um passe. No Grêmio, é muito elogiado por jogar o mesmo futebol que jogava no São Paulo, quando era muito criticado”.

 

48
Deixe um comentário

Please Login to comment
0 Comentários
0 Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais recente
Comentário mais popular
0 Comentaristas
Recent comment authors
  Seguir discussão  
novos antigos
Notify of