Uma atuação envolta por cinza vulcânica

A rodada do final de semana começou com um desastre. Perder para o São Paulo não é desonra, vergonhoso é perder da forma como o Grêmio perdeu.

Antes a delegação não tivesse viajado por causa das cinzas do vulcão. O futebol que o time apresentou no Morumbi parecia envolto por uma nuvem de fumaça vulcânica. 

Os jogadores atuaram como se tivessem sido apresentados no vestiário, enquanto o time de Carpegianni exibia entrosamento, dinâmica e afinidade com a bola, errando poucos passes.

Já o time que Renato colocou em campo dentro da política de acomodação que destaquei no comentário anterior, abusou da arte de entregar a bola para o adversário.

Todos erraram, e erraram muito.

Mas há um jogador nesse time que quando erra, enterra. Afunda o time, cava a sepultura da derrota.

Douglas é quase um virtuose com a bola nos pés. Quase. Mas ele crê firmemente que é um craque, que faz com a bola o que quer. Alguém precisa chegar no ouvido dele e dizer, num grito sussurrante, ‘cai na real, Douglas’.

Li que ele, depois do jogo, cobrou mais bola nos pés. Ele quer bolinha no pé.

Pra quê? Pra fazer o que fez aos 18 minutos do segundo tempo, quando o Grêmio recém havia empatado e começava a manter uma disputa digna contra o São Paulo?

Ele recebeu a bola no grande círculo. Ele, o articulador do time, deveria recolher a bola e puxar o contra-ataque, talvez lançando um dos dois ‘atacantes’ de segunda divisão que o Grêmio tinha em campo.

Mas o que fez o ‘craque da bolinha no pé’? deu um toquezinho de primeira para trás, no contra-pé de FR, que corria em direção ao campo ofensivo.

A bola, essa mesma que estava nos pés do ‘craque’, caiu nos pés do adversário, que chegou aos 2 a 1 brincando.

Douglas mais uma vez havia armado um contra-ataque mortífero, um contra-ataque daqueles. Mas para o adversário, como de costume.

Se ele armasse contra-ataques a favor do Grêmio com a qualidade e quantidade com que o faz para o inimigo, seria imprescindível.

Mas isso não acontece. Eu sempre defendi o Douglas, apesar de tudo. Mas entendo que chegou o momento de ele esfregar as nádegas no banco de reservas.

Marquinhos foi contratado justamente para disputar posição com Douglas, e eventualmente jogar ao seu lado. Mas o fato é que ambos executam a mesma função, embora Marquinhos não seja conhecido como articulador de contra-ataques para o adversário.

Então, cabe a Renato, agora, impor-se como treinador, mostrar autoridade e decidir quem são os titulares, porque acomodar interesses e vaidades só leva a um caminho: a derrota, a humilhação.

O Grêmio, ontem, perdeu e foi humilhado. 

Não vou fazer como muitos que agora jogam pedra no Renato pela experiência que fez. Foi uma tentativa válida. Não deu certo.

Renato corrigiu no intervalo – só acho que quem deveria ter saído seria o Lúcio, que estava deixando a bola escapar sob seus pés, e não o Neuton.

O fato é que a mudança melhorou um pouco o time, que buscou o empate e começava a equilibrar a partida.

Mas aí havia um Douglas no meio do caminho.

E como se não bastasse, um bandeirinha incompetente que não marcou impedimento no terceiro gol.

O aspecto positivo é que o jogo trouxe algumas lições. Cabe agora ao Renato mostrar que é um bom aluno, fazendo o dever de casa com coragem e sabedoria.

FUMAÇA DO VULCÃO PAIROU SOBRE O BEIRA-RIO

O Inter continua sem vencer em sua própria casa. Saiu vencendo por 1 a 0, mas permitiu a virada do Palmeiras. Depois, no finalzinho, Damião, sempre ele, foi lá e salvou o pescoço de Falcão.

Fico imaginando o que seria do Inter se Mano Menezes tivesse convocado Damião para disputar a Copa América.

Falcão foi chamado de burro quando sacou Oscar. Aliás, Oscar é sempre o primeiro da lista de Falcão para sair do time. O Tinga se arrasta, mas quem sai é o Oscar. Treinadores, treinadores…

A realidade é que a dupla Gre-Nal foi mal na rodada. O Grêmio foi pior, claro. Mas o Inter, jogando em casa, tinha a obrigação de somar três pontos. O Palmeiras não é mais aquele faz tempo.

Do jeito que vai a coisa, a dupla se encaminha para ser figurante no Brasileirão.

Se gostou, compartilhe!

  • David

    ilgo, entendo sua veneração ao renato, apesar de eu nao partilhar tal sentimento, mas o renato nao é bom técnico. com o renato podemos esperar ousadia sim, mas nunca um time bem armado. o diferencial ano passado, assim como foi com o autuori tem um nome: jonas.

    alias, nao lembro se foi aqui, mas cheguei a comentar com vc que os torcedores do flu diziam que o renato nao sabia armar equipe. q a parte tática ele deixava, senao me engano paraa um vinicius eutropio, uma especie do que era o rospide no gremio.

    a torcida é para que o gilberto silva arrume o time. mas sem gabriel e lucio jogando junto nas laterais. ele sim é capaz disso. ele é o nosso “jonas” nesse ano.

  • rauru

    Dom Ilgo, primeiro e único. Tomo a liberdade de discordar do dono do campinho, e, mais ou menos, me juntar à crítica do David: Renato, por algumas insistências, está demonstrando, perdoem a besteira, em ser chamado de novo, no segundo turno, como “salvador da pátria”, pq, do jeito que está indo, segundona à vista (ou em pesadas prestações, parece). Gabriel no meio-campo, voltando de conclusão, contra aqueles caras do Sampa, que, contra o Grêmio, parecem estar dando a vida pelo pai do Rogério Ceni, o coloradão, não pode. Era todo mundo correndo por ali, contra o Mário Fernandes, de um lado, e o Neuton, do outro, mais que desnorteados, passando como queriam, claro, e indo pra cima da zaga. Onde, pra desnortear quem, deste lado da tela, tinha voltado a acreditar nele, o Rafael Fernandes, um dos “cascudos”, faz aquela imensa bobagem – uma falta em cima do Dagô, que, claro, foi tocado, mas aí fez um cinema tremendo, e depois cai na provocação. Vocês por acaso ouviram o Dagô nas entrevistas? Chamou o Rafa de “jogadorzinho”. Isso também não é preconceito, punível por alguma dessas leis antitudo que andam por aí?

  • rauru

    Dom Ilgo, tem continuação, pq ontem foi brabo de tudo que é lado. Outro “cascudo” em campo, o Douglas, como já deixaste muito claro, foi o autor daquela outra bobagem, o “lançamento” para o segundo gol deles. Como tem sido, o outro Cascudo, Fabão, tentando reparar as bobagens dos outros, mas um sozinho, já viu… Um sozinho, não, o Victor não pode ser esquecido, esteve de novo no papel de salvador da pátria. Se não fosse ele… E, voltando ao Renato, e suas insistências: não colou o Gabriel no meio, já falei, mas quem saiu foi o Neuton, uma das “vítimas” do esquema, tomou um bafo na nuca do tal de Lucas e de outros que por ali chegavam que deu pena. Tudo sob os olhares de outro cascudo, o Lúcio, que também ficou até o fim, mesmo fazendo lance de varzeano, por exemplo, perdendo a bola que escorre por baixo do pé. Se sou eu, nos veteraníssimos… Por fim, mais uma do Renato: quis salvar a pátria com o Lins. E o Escudero, e outros “bancários”, não são “menas ruins” que ele? Mais a direção: Depois de ganhar do Atlético no Paraná como o “seu” Odone gosta, sofrendo até o último segundo, e de ganhar do Bahia em casa (grande façanha…”, passaram a semana falando até em título. Foi isso mesmo ou eu estou mais surdo do que penso? Saudações tri(ste)colores. .

  • David

    dom ilgo, olha a moral hehehehe

  • Shutruk

    Depois do “lançamento” e de pedir bolinha no pé fiquemos com o vídeo:
    http://www.youtube.com/watch?v=BJeu2CTGrOw

  • Ilgo

    Saudações. se juntar dez numa mesa, não haverá dois que concordem
    plenamente qdo o assunto for dupla Gre-Nal.
    Não condeno Renato por testar, Não sei se vcs perceberam, mas ele não
    tem atacante de qualidade, os que estão lá são reservas se muito.
    então, ele conhecendo o SP, que povoa o meio de campo, tentou fazer o mesmo.
    pode ter feito as opções erradas. Gabriel por exemplo.
    mas ele tinha que tentar neutralizar o meio do SP, que é muito forte. e provou isso.
    Com todos os defeitos que o time teve, conseguiu equilibirar um pouco no
    segundo tempo.
    não fosse Douglas, e depois o gol em impedimento, a história poderia ter sido
    muito diferente.
    futebol se ganha e se perde no detalhe. O detalhe mais decisivo ontem não foi
    Renato, foi Douglas.
    Olha aqui, larguei o Douglas.
    espero que Renato faça o mesmo.

  • walter

    Ilgo,

    Creio que, só após o ingresso dos Reforços no time do Grêmio é que teremos a noção exata onde esse time vai chegar.
    No mais, como você vem defendendo Ilgo, Renanto na medida do possível, com ou sem invenção está buscando fazer esse time jogar.
    Ilgo, lembro que no início do ano, você em um de seus tópicos referiu que achava que Renato estava já meio indigado com umas atitudes do Douglas, será que este jogo de ontem não foi a gota dagua?
    E mudanças virão?
    abraços.

  • ilgo

    Walter, eu defendo o Renato em primeiro lugar porque desde que ele assumiu vem trabalhando com vários jogadores de segunda ou terceira divisão.
    Quando perdeu Jonas, sua tabua de salvação, ele ficou à deriva.
    Em defendo o Renato, em segundo lugar, porque sei que os colorados de um modo geral, em especial os da mídia, vão soltar foguetes quando ele for demitido.
    Quando Renato tiver jogadores de qualidade à disposição, principalmente no ataque, ele poderá ser julgado de verdade.
    sobre Douglas, não tenho dúvida que Renato apenas o suporta pq não tem nada melhor no grupo.
    Ruim com ele, pior sem ele.
    Mas agora, com Marquinhos, contratado justamente para substituir Douglas se ele não se corrigir – e não vai se corrigir -, a coisa vai mudar. pelo menos é o que espero.
    Por fim, aqueles que querem Renato fora, sugerem quem para o seu lugar?

  • Cláudio

    Ilgo,
    Douglas errou ontem. Errou outras vezes. Mas ainda assim é um dos melhores jogadores do time, o único meia confiável que temos. No primeiro tempo eu nem considero parâmetro para avaliação, já que o Renato matou ele com aquela escalação na frente. Renato foi mal ontem, e já devia prever. Muitas improvisações, apenas para manter o Gabriel no time.
    So segundo tempo, o douglas melhorou. Jogou mais,chegou mais a frente (vindo de tras, como é seu estilo). Ate o ero que custou o gol do SP. Mas foi só. O resto ele teve uma atuação razoavel, abaixo do que sabe jogar. assim como todo o time.

    Agora, l[ucio foi ridiculo, roca tb tava mal no primiero tempo. Fernando muito mal. Gabriel, perdido, mario anulado pelo gabriel. Rento foi mal, no geral. Lis, supreendentmmente foi b qdo entrou. Lucio melhrou na lateral. Neuton nao e lateral, á zaegueiro, nao sabe apoiar, nem cruzar .

  • Cláudio

    Que saudade do Mestre Jonas!

  • rauru

    Dom Ilgo, de novo, com todo respeito, permito-me divergir do mestre do blog. Quanto ao Douglas: ainda semana passada, saiu num jornal desses aí que o Renato sempre alerta a “gurizada” pras falhas do Douglas, e diz que elas acontecem pq ele tenta fazer jogadas, e vão continuar acontecendo. Em outro jornal, se não foi no mesmo, saiu que o Douglas é um dos caras que o Renato consulta pra armar as táticas. Se é cascata, não é minha…Concordo, o cara deve ganhar pra tudo isso e mais um pouco. Quanto ao Marquinhos, perdoa o pessimismo, ele em campo, até agora, só mostrou que parece o irmão mais gordo do Mano Menezes, se é que tem, já repararam? Voltando ao Douglas: com quem ele jogaria, especialmente no retrancão de sábado? ontem? O Viçosa e o Lins? O Roberson? Ou com quem estava lá atrás, levando baile da galera do Sampaulo? Concordaria se o Renato, que a direção considera às vezes ousado demais, tivesse a ousadia de botar Mithiuê (faz tanto tempo que ele não entra em campo que até o nome a gente desaprende…) no jogo, afinal, se é só pra esquentar banco, não sei o que cara está fazendo ali. Concordo contigo, Ilgo, está faltando qualidade, mas é em tudo, não apenas nos (des)atacantes, fora do campo e na direção. Respeitosas saudações sempre tricolores.

  • Francisco Coelho

    Poderia apenas copiar comentários anteriores, mas vou detalhar melhor.
    Rogério Ceni (38 anos),; Jean (24 anos), Xandão (23 anos), Luiz Eduardo (18 anos), e Juan (29 anos), (Bruno Uvini (20 anos); Wellington (20 anos), Rodrigo Souto (28 anos), (Ilsinho (25 anos), Casemiro (19 anos), (Carlinhos Paraíba (28 anos), e Marlos (23 anos),; Lucas (18 anos), e Dagoberto (28 anos),.
    Como pode ser bem observado Juan, Rodrigo Souto, Ilsinho, Carlinhos e Dagoberto seriam os CASCUDOS. Os demais são justamente os que fizeram a diferença como Casemiro, Marlos e Lucas. Portanto falar que a juventude do Grêmio atrapalha é esconder o sol com vidro transparente.
    Povoar o meio não significa colocar 4 laterais e tomar um baile.

    Rochemback esta parecendo um fisiculturista. Entrando muito muito forte nas jogadas. Fernando esta tendo de jogar como espanador a ai não tem fôlego para segurar as pontas. Fernando na seleção jogava na primeira e Casemiro na segunda função. Lúcio não está marcando nem apoiando e sim enrolando.

    Tendo Escudero e Pessalli para a esquerda e Mithyuê para a direita porque não usa? Implicância ou proteção a alguns. Se for por deficiência libera ou empresta. Só que jogadores da base são patrimônios do clube e se o treinador não consegue acertar uma equipe é hora de trocar pois quem pediu A ou B para compor o TIME foi o mesmo.

  • Nicolas henrique Zaro

    nao vamos crucificar o douglas,, ele tava sozinho ali pra armar, nao recebia a bola… quando recebia ninguem corria pra receber ela, e o 2 gol ele perdeu a bola, mas foi na terceira vez que tentaram sair de tras e sairam jogando errado, sairam uma vez e perderam, recuperaram, perderam, recuperar tocaram pro douglas sozinho, sem ninguem, ele tentou o passe, errou e deu o gol, dai crucificaram, nao tem como ele jogar do jeito que tava o time, o gabriel e o lucio mal, naum se apresentaram pro jogo, o viçosa no meio de 4 sao paulino, dai eh complicado.

  • Francisco Coelho

    Segundo pude constatar no site do Grêmio Fábio Rochemback em 26 partidas jogadas pelo mesmo tem ZERO gol.
    Já o equivalente do SP Carlos Henrique Casimiro em 36 jogos tem 6 gols pró e 1 contra.
    Na ZH tem uma matéria (http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/index.jspx?uf=1&action=flip) com um baita erro. Chamar o Carlos Pereira Berto Junior de volante e que Paulo César Carpeggiani teria surpreendido ao escalar o Marlos Romero Bonfim é brincadeira. O MOTORZINHO apelido do Carlinhos Paraíba desde o Santa Cruz sempre foi meia atacante ou terceiro volante como inventam alguns. No SP tem jogado assim portando não pode ser surpresa para quem conhece e acompanha jogos.

  • Francisco Coelho

    Na mesma página uma matéria assinada por Diogo Olivier faz um comparativo onde Dagoberto é mais que Lins (até os carrapatos do gramado do Olímpico sabem) ; Marlos melhor que Viçosa, Casemiro Mais que Fernando; Lucas melhor que Douglas e Juan melhor que Neuton. Só livra Victor e Rochemback.
    Lucas é muito melhor que o Douglas na minha opinião. Marlos não é melhor que Viçosa pois não é da mesma posição. Casemiro x Fernando também são funções diferentes e os dois juntos foram campeões portanto comparação desmedida. Juan melhor que o Neuton tenho minhas duvidas.
    Basta ver a escalação do SP:
    Goleiro : Rogério Ceni;
    Lateral direito: Jean
    Zagueiro direito : Xandão
    Zagueiro esquerdo: Luiz Eduardo
    Lateral esquerdo: Juan (Bruno Uvini);
    Meio campo : Wellington, Rodrigo Souto (Ilsinho), Casemiro (Carlinhos Paraíba) e Marlos;
    Atacantes: Lucas e Dagoberto.
    Volante 1: Rodrigo Souto
    Volante 2: Wellington
    Volante 3: Casemiro
    Obs: A retenção do meio é em V com o Rodrigo no centro Casemiro na direita e Wellington na esquerda. Lucas atua como meia atacante pela direita e Marlos pela esquerda onde Dagoberto é o atacante com mobilidade chamado de segundo. O SP não jogou com atacante de área.

    Gabriel; Danilo, Simon, Juan e Alex Sandro; Casemiro (Galhardo), Fernando, Oscar e Lucas (Gabriel Silva); Neymar (diego Maurício) e Willian José.
    Técnico: Ney Franco.

  • Francisco Coelho

    Rodrigo Sabiá e Yuri Mamute treinar com os profissionais e até jogar tudo bem mas o Renato ligar e querer contratar o Igor do Sport é brincadeira.

  • Thank you for sharing excellent informations. Your site is so cool. I am impressed by the details that you have on this web site. It reveals how nicely you perceive this subject. Bookmarked this web page, will come back for more articles. You, my friend, ROCK! I found simply the info I already searched everywhere and simply could not come across. What an ideal site.