Muita lama (vulcânica) ainda vai rolar…

Pode ser influência da nuvem de cinzas vulcânicas, mas o fato é que depois dos maus resultados da dupla no final de semana o clima ficou tenso no Olímpico e, principalmente, no Beira-Rio.

No Grêmio, a direção e o técnico Renato tentam minimizar a falta de Douglas ao treino de segunda-feira.

Se fosse qualquer outro jogador que tivesse faltado, eu não levantaria qualquer tipo de suspeita. Afinal, isso acontece em qualquer profissão.

O problema é que o faltoso é justamente o jogador que cometeu aquela falha carimbada de negligência e soberba, resultando no segundo gol do time paulista, justo no momento em que o Grêmio equilibrava a disputa.

Há informações de que ele está sendo negociado. Acho uma  hipótese plausível. E torço para que seja verdadeira. É ruim perder um jogador talentoso, sim. Mas entre ficar com um jogador que pode comprometer toda uma campanha por lances como o de sábado, e sair em busca de novas alternativas, fico com a segunda opção.

O Grêmio já foi dependente de uma ou outra individualidade. Um dia, elas partiram, e o Grêmio sobreviveu . Foi assim com Renato, Valdo, Jardel e tantos outros.

Agora, clima quente mesmo, não tanto quanto nas proximidades do vulcão chileno, acontece no Inter. Recolho duas frases extraídas, ou surrupiadas, dos sites do SP e do Clickrbs.

Primeiro, Falcão, negando que não tenha o controle do grupo, etc, e baixando o pau em parte da crônica esportiva:

– Convivi com muitos profissionais e muitos me decepcionaram pela postura, falta de seriedade, pelos interesses e pelo desconhecimento, para não falar em mau-caratismo.

Pegou mal. Ele deveria citar nomes e não espraiar assim a lama (vulcânica?). Acho que a Aceg poderia interpelar o técnico colorado.

Aliás, Falcão está em confronto com a imprensa. Ele pensou que teria bandeira branca por mais tempo. A primeira ação dele foi há poucos dias, quando foi lacônico nas respostas. Magoou.

Como se não bastasse, o Siegman também foi para o ataque:

– Acompanho a imprensa e as redes sociais e vejo a manifestação daqueles que perderam eleição, de gente que teve dificuldade em aprovar contas no Conselho Deliberativo. São colorados descontentes dizendo absurdos. É o que chamo de fogo amigo. São pessoas que deviam rasgar a sua carteira do Inter e ir torcer para o time do outro lado.

A última informação é trágica: o vulcão segue em erupção por mais uma semana.

Até lá muita água (lama) vai rolar…

Se gostou, compartilhe!