Com sangue nos olhos, hoje e amanhã

A ‘gurizada medonha’ do Grêmio sub-17 enfrenta o Atlético Mineiro nesta terça, 19h30, em Gravataí. O time de MG garantiu vaga na final do Brasileiro da categoria com duas vitórias tranquilas sobre o Flamengo. Já os guris do Grêmio sofreram e só venceram porque jogaram mesmo com ‘sangue nos olhos’.

Quem não viu pode ver agora: https://www.youtube.com/watch?v=-Ub04W-Cn3M …

Então, o mínimo que esse time tão valente merece é o apoio da torcida tricolor. Quem não puder ir ao jogo, que assista e torça pela TV.

A propósito, publico texto que saiu no site www.gremiomulticampeão.com.br. Muito oportuno:

http://www.gremiomulticampeao.com.br/2014/04/um-gremio-com-sangue-nos-olhos-o.html

Reproduzo aqui:

Primeiro, foi a piazada do sub-17 ensinando aos marmanjos do time de cima como é que se deve jogar quando se veste o manto sagrado tricolor. Quem assistiu ao vídeo em que os guris formam um círculo antes do segundo jogo das semifinais do Brasileiro da categoria certamente ficou emocionado.
Nós do Grêmio Multicampeão ficamos. E ficamos também muito, mas muito orgulhosos, porque vimos naqueles meninos ‘o sangue nos olhos’ de quem não desiste, não se acomoda e que busca a vitória até o último minuto.
O time havia perdido por 2 a 1 em Gravataí e conseguiu reverter contra o Fluminense, no Rio, fazendo 4 a 2. Uma façanha. Nesta terça, esse time guerreiro enfrenta o Atlético Mineiro, que eliminou o Flamengo facilmente. O jogo será em Gravataí, mas bem que poderia ser em nossa velha casa, o Olímpico. O time sub 17 está mostrando que a alma gremista continua muito viva, imortal mesmo.
Depois, no domingo, a gurizada ignorou o favoritismo do time campeão da Libertadores/2013, com Ronaldinho Moreira e tudo, e atropelou. Os reservas do Grêmio fizeram 2 a 1 jogando um futebol alentador diante de uma equipe com algumas estrelas e muito mais entrosada. Foi bom ver o Luan brilhando ao lado de outros jovens, como o Lucas Coelho, o Saimon, o Breno.
São dois episódios que nos animam e nos fazem acreditar que é possível vencer o San Lorenzo por 2 a 0 na nossa Arena monumental. Vamos lotar a Arena, vamos ajudar o nosso time.
Vamos esquecer por 90 minutos nossas diferenças, nossas implicâncias e nossas dúvidas. Com a nossa força, nossa confiança e, claro, nossa tolerância, podemos, juntos, seguir em frente cada vez mais fortalecidos na luta pelo TRI DA AMÉRICA.

Se gostou, compartilhe!