VOLVER

Se o presente é este, amargo e cruel, e o futuro aponta para dias mais cinzentos que o céu depois da erupção do vulcão chileno, nada como um recuo no tempo.

A realidade me obriga a voltar ao passado. Recebi hoje um e-mail com o link para algo que eu, traído pela memória, julgava ser obra de ficção, mas não, o lance realmente existiu.

Renato cruza, Jardel marca. Depois, Jardel ainda faz outro gol, um golaço. Ele mesmo admitiu posteriormente que tentou cruzar e a bola foi lá junto de onde a coruja dormia no tempo em que ainda era traquilo ir aos estádios de futebol.

Confiram. Ah, impróprio para colorados ranzinzas e invejosos.
http://globoesporte.globo.com/videos/bau-do-esporte/v/bau/1549591/

Se gostou, compartilhe!