Uma vitória para ser exaltada

O Grêmio venceu um time forte. Antes de qualquer coisa isso precisa ficar bem claro. O União de Barranquilla tem um time cri-cri, chato, toca bem a bola, se defende com onze e explora contra-ataques com perigo. Com um jogador a menos, foi ainda mais preocupante. Não fosse Victor, que voltou a ser aquele goleiro que chegou à Seleção, teria feito ao menos um gol.

É importante deixar isso bem claro para valorizar o resultado. Os 2 a 0 sobre o time que mantinha 100% de aproveitamento é um resultado para ser exaltado, comemorado. E não apenas porque garante a vaga à próxima fase da Libertadores. É preciso frisar que o Grêmio soube se impor sobre um time de qualidade, bem armado, estruturado, e que pode ir longe na competição.

Agora, a vitória não pode mascarar os problemas do Grêmio. É preciso enfrentar a dura realidade de que os adversários, quando perdem o medo e se arriscam, chegam fácil na cara do Victor. Tão perto que o goleiro pode ver todas as rugas do atacante adversário, seus cravos, suas espinhas.

E se isso acontecer contra adversários mais qualificados, Victor terá de ser muito mais do que já é.

Outra coisa: é preciso contratar mais um atacante, um jogador de área, porque só o Borges é pouco. Borges é bom jogador, mas quando ele faltar (por cartão amarelo ou lesão), quem será o ‘camisa 9’? A não ser que André Lima volte logo.

Gostei do argentino Escudero. Foi participativo, esforçado, participou de boas jogadas. Mas ainda precisa mostrar mais para ser titular, justificar sua contratação e seu salário, que não deve ser dos menores. Agora, ele está evoluindo.

Para essa posição, felizmente, tem o guri Leandro. Curioso é que ninguém no clube percebeu que ali estava um talento na hora de inscrever os jogadores na Libertadores. É intrigante, preocupante.

Por fim, destaque para a dupla de volantes: Adilson e Fábio Rochemback, ambos soberbos. Douglas também em alto nível. Quando preciso, ele até voltou para o campo de defesa, fechando espaços. Mérito de Renato. E Lúcio, que reafirmou que a lateral-esquerda faz parte do seu passado. E por falar em lateral, foi o Bruno Colaço, inclusive salvando um gol no primeiro tempo, com excelente senso de cobertura, coisa que o Gilson desconhece.

Se gostou, compartilhe!

  • ilgo

    Ah, sobre o rótulo da Kidiaba, que tem sido muito elogiado. Obra do designer (com pequena participação minha) Leandro Camiña, que além de criativo é gremista.

  • Gilgamesh

    Gostei bastante do novo site Ilgo! Parabéns! Acho que falta só dar uma olhada no teu Feed RSS que eu acho que não está funcionando.

    Também acho que o time precisa de um centroavante. Borges não dá mais. Toda vez que ele joga, parece que eu to vendo o time do Silas (Arrghh!) jogar.

    Abraço, e boa sorte com o novo site!

  • David

    Pensei a mesma coisa hoje. Faltam mais jogadores altos no elenco do Grêmio. Hoje nossos atacantes tinham no max 175 e nossa zaga no max 185. É muita pequenez pra um time reconhecido na bola aerea como o Grêmio. Ainda se nossos atacantes fossem velozes, justificaria, mas nem isso são.

    E fora que temos bons cobradores de bola parada, o que deveria obrigar ao Grêmio ter jogadores mais altos.

    Outra coisa que eu acho merecivel de multa é jogador que sai com cara amarrada em substituição. O Lucio fez isso hj, e o ANdre lima cansou de fazer isso ano passado. Falta de respeito claro ao técnico frente a todos.

  • Cláudio

    Bom jogo, movimentado, corrido, cheio de emoções. Grandes defesas do Vitor, Bruno Collaço jogou muito bem, Douglas bem, Adilson, Lúcio e Roca, muito bem. Borges, centroavante, fez gol e conseguiu uma expulsão do Júnior. Cumpriu seu papel, foi bem. A zaga foi bem, mas quando ficava no mano a mano, perdia na velocidade. Gosto do Rafael Marques, bom zagueiro e ainda faz gols, mas a vantagem do Mário é a velocidade. Gabriel melhorou em relação a suas últimas participações, mas pareceu meio afoito quando tinha a bola perto da área, com chances de concluir ou pifar um jogador.
    Sobre o Junior Barranquila, time muito bom, jogadores altos e velozes, com muita habilidade. Me surpreendeu muito. Vai longe nessa Libertadores. Tenho certeza que enfrentamos um dos melhores times da competição.

  • Walter Borba

    Não vi o jogo no primeiro tempo, mas o segundo achei que o time foi consistente.
    Pelos comentários dos críticos foi a melhor partida do ano.
    Ou seja, o Grêmio melhorou jogando com um time mais forte, é o que eu espero.
    E mais, espero que no decorrer da Libertadores esse crescimento continue.
    Reforços são precisos.

  • MARCELÃO

    ILGO, O TIME JOGOU BEM ESTÁ CRESCENDO NA HORA CERTA….RUMO AO TRI DA LIBERTADORES!!!!

    AGORA, O BLOG COM MODERAÇÃO NOS LIVRA DAQUELA MALA COLORIDA QUE VINHA AQUI XAROPEAR!!!!!!HAHAHAHAHAH

  • ilgo

    Marcelão, foi o Ze Esquilo que me abandonou.